A solidão de Leslie e Schneider

By 19:30:00


Cancelada pela Netflix no dia 14 março, One Day At Time chegou ao fim deixando vários fãs órfãos. A série, que aborda temas como feminismo, imigração e xenofobia, narra a vida de uma família cubana vivendo nos Estados Unidos e todas as questões que isso envolve.

Além da família Alvarez, o sitcom apresenta dois personagens muito importantes: Dr. Berkowitz e Scheneider. Os dois, apesar da diferença de idade, são bastante parecidos na solidão e falta de uma família. Leslie, constantemente ignorado pelas filhas — que só o procuram por dinheiro , viu nos Alvarez o conforto de um lar, assim como Scheneider. O carinho de Leslie pela família de Penelope, enfermeira do seu escritório, fica claro quando, por mais que tente e não concretize um relacionamento amoroso com a mãe dela, Lydia, acaba por aceitar a amizade que ela o oferece. Para ele tudo bem, ele só precisa estar com os Alvarez.

A relação de Leslie com a filha Rachel não é fácil — sequer existe —, e estando em uma idade tão avançada, o afeto dos Alvarez se torna importante. No 8º episódio, Elena dá conselhos a ele sobre como podem ser difíceis relações familiares, principalmente por saber a dor de ser rejeitada pelo próprio pai, que na 1ª temporada fugiu da sua festa de 15 anos por não aceitar a sua homossexualidade.

A dor se assemelha bastante com a de Leslie e a filha, que descobrimos nesse mesmo episódio guardar remorso pelo pai ter sido tão ausente na sua infância. Infelizmente cancelada, em uma 4ª temporada poderíamos conhecer mais sobre Leslie e a família, finalmente mostrando a filha Rachel, e talvez conseguindo uma solução para a relação deles.



Assim como Leslie, Schneider, também encontrou conforto na família de Penelope. Vizinho e dono do prédio onde ela mora com a mãe e os filhos, ele nunca teve um pai presente, e durante sua vida isso acabou se refletindo no vício em álcool. Schneider mostra a carência de uma família diversas vezes, seja na 1ª temporada quando insiste para levar Alex o jogo de baseball, ou quando descobre que Elena está com um garoto no apartamento e tenta impedi-la de ficar a sós com ele.

Na 3ª temporada, o vício de Schneider volta a tona e ele ganha um drama próprio. Apenas citado nas duas últimas temporadas, no 10º episódio conhecemos o seu pai e como ele afeta a sua vida, sendo o principal gatilho para Schneider retornar ao álcool após 8 anos.

Todas essas semelhanças entre Leslie e Schneider se encontram no 4º episódio da 3ª temporada. Enquanto os Alvarez viajam, os dois dividem a casa da família e também os sentimentos. Schneider acaba vendo em Leslie a figura paterna que nunca teve, e Leslie a figura de um filho que gostaria que se importasse com ele. Em um momento de desabafo e intimidade, fica claro que, tudo que eles sempre precisaram foi de alguém que os entendessem.

0 comentários