Mulheres à frente do seu tempo | As Telefonistas - 4ª Temporada (Review)

By 13:22:00



A quarta temporada de As Telefonistas estreou dia 9 de agosto, na Netflix, e deixou alguns corações partidos. Em 1931, um ano após o incidente que encerra a terceira temporada, nós encontramos com nossas quatro protagonistas tomando decisões que irão mudar todo o rumo da história. Ao mesmo tempo em que cada uma das personagens está provando ser uma mulher forte e mudando tudo ao seu redor, desavenças continuam a acontecer de maneira irrefreável.

Após Carlota ser acusada de um assassinato, bem no momento em que está sendo candidata a prefeita de Madri, Lídia, Marga, Ángeles e Óscar lutam com todas as forças para provar a inocência da amiga.

Desde a primeira temporada a amizade é o centro de toda a história, e nesses oito capítulos que foram disponibilizados não é diferente. A união das personagens e o que elas estão dispostas a fazer umas pelas outras deixa claro que quando se ama alguém se faz tudo que está ao seu alcance. Nossas espanholas favoritas mostram isso muito bem.


Sem perder o foco do feminismo, da luta sufragista, da busca pelo direito de assumir quem realmente são e o desejo de alcançar posições que lhe são impedidas mas que te pertencem, também marcam esta temporada. Como nossas protagonistas já não são mais aquelas mulheres sensíveis e submissas, vemos um detalhe que até hoje marca nossa sociedade: homens, e até mulheres, construindo barreiras para impedir o avanço de cada uma.

No amor, Lídia se vê, mais uma vez, em seu triângulo amoroso. Francisco, que está em coma há um ano, ainda permeia os pensamentos da nossa mocinha. Quanto a Carlos, este se apresenta com a roupagem de sempre: um cego pela paixão. Carlota e Óscar trazem um amor forte, intenso e que é capaz de passar por cima de tudo para ficarem juntos. Quanto a Marga e Ángeles, ambas tomam algumas decisões que não nos surpreendem. Quem nunca perdoou e voltou para seu grande amor que atire a primeira pedra!

Sem dar muitos detalhes, o gancho para a próxima temporada é um tanto cruel e nos deixa apreensivos sobre o que irá acontecer com nossas eternas telefonistas. O passado sempre está conosco, em nossas memórias, mas qual a expectativa de futuro quando sua vida toma um rumo jamais imaginado e quando o passado nunca pode ser, totalmente, esquecido?

1 comentários